Doutor, eu tenho refluxo, posso tomar café? Eu preciso mesmo dormir de lado? E água antes dormir, faz mal? Quem sofre com refluxo já ouviu as mais diferentes respostas sobre todas essas questões, mas o que é que é verdade ou só conversa de sala de espera dos consultórios. Vamos esclarecer alguns pontos importantes sobre o refluxo gástrico para você nunca mais se enganar a respeito desse desconforto. Assista!

O que você deve saber sobre refluxo gástrico

É importante entender que o refluxo gástrico consiste no retorno do suco gástrico a partir do estômago para esôfago. O desconforto ocorre porque o interior do estômago é revestido por uma camada que protege o órgão e evita esse mal-estar, porém, as paredes internas do esôfago não possuem essa proteção. Por isso, muitas vezes sentimos dor ou aquela sensação chata, chamada de azia. Esse retorno do suco gástrico só irá ocorrer se o estômago estiver muito cheio ou se o anel muscular, chamado esfíncter, que fecha o estômago, não estiver cumprindo sua função.

 

Mas o principal ponto dessa história está na quantidade de alimentos ingeridos. Café? Pode. Água? Pode. O que não pode é encher o estômago de café ou de água. O que não pode é beber café ou água depois de ingerir um monte de alimentos naquele típico almoço de família. Ou seja, tudo com moderação pode e não causa o problema.

 

Sobre dormir de lado, também depende se o estômago está muito cheio. Verdade que deitar com o lado esquerdo do corpo apoiado na cama é melhor, pois a entrada do estômago fica mais distante de onde os alimentos estão acumulados. Mas não irá ajudar se o estômago estiver cheio. O mais importante é esperar cerca de duas horas após as refeições para ir dormir.

 

Se você sente refluxo com muita frequência, pode ser interessante consultar um médico para avaliar qual o melhor tratamento para seu caso. Além de adequar a alimentação, é possível tratar com um procedimento de endoscopia, que corrige o funcionamento do músculo esfíncter, melhorando o fechamento do estômago.

refluxo gástrico